Wanderlei Barbosa recebe Faet e sindicatos rurais para discutir apoio às feiras agropecuárias

Governador reconheceu a importância do setor para a economia estadual

Publicado em: 31/01/2024 17:23:00

Compartilhar com:

Foto: Antonio Gonçalves/Governo do Tocantins


O governador Wanderlei Barbosa, recebeu nesta quarta-feira, 31, no Palácio Araguaia Governador José Wilson Siqueira Campos, o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Tocantins (Faet), Paulo Carneiro, e presidentes de sindicatos rurais de 34 municípios tocantinenses, com o propósito de discutir a parceria entre o Governo do Tocantins e as entidades, para a realização das feiras agropecuárias durante o ano de 2024. 


Em seu pronunciamento, o governador Wanderlei Barbosa reconheceu a importância do setor agropecuário para a economia estadual e destacou, ainda, o impacto positivo das políticas públicas voltadas para o setor, evidenciado pelo sucesso da Feira de Tecnologia Agropecuária do Tocantins (Agrotins) e outras feiras realizadas em todo o território estadual.


"Nós temos o exemplo da Agrotins, em que investimos cerca de R$ 10 milhões e tivemos um retorno de R$ 3 bilhões. Fomos o Estado que mais cresceu no comércio anual, tendo desempenho de 12%. Isso é fruto de várias políticas públicas, entre elas, o fortalecimento das feiras, investimento no setor produtivo e incentivo ao comércio. Sabemos que o setor é uma vertente que movimenta a economia do Tocantins, temos grandes frigoríficos, assim como uma grande produção de grãos, e precisamos desse tipo de produção para o Estado”, afirmou o governador.


O presidente da Faet, Paulo Carneiro, salientou que, apesar da entrega do ofício solicitando parceria do Poder Executivo estadual para a realização das 36 feiras agropecuárias previstas para este ano, a reunião também seria para agradecer ao governador Wanderlei Barbosa pelos investimentos no setor. “O governador cumpre o que fala e nós só temos a agradecer o trabalho desenvolvido em todo o território tocantinense”, elogiou.


O secretário de Estado da Agricultura e Pecuária, Jaime Café, destacou a relevância das feiras como locais de acesso, especialmente para alimentos provenientes de áreas produtivas nas pequenas cidades, contribuindo para o abastecimento do Estado, além de gerar entretenimento para a população, fortalecendo a cultura local. “As feiras agropecuárias têm uma contribuição importante, pois temos a compreensão de que a produção de alimentos está concentrada, muitas vezes, nas cidades pequenas, que acabam abastecendo o Estado”, pontuou.


A reunião foi acompanhada pelo presidente da Assembleia Legislativa do Tocantins (Aleto), deputado estadual Amélio Cayres, e seus pares, além do deputado federal Carlos Gaguim e grande parte do secretariado estadual.


Exposições Agropecuárias


Segundo dados apresentados pelo superintendente da Faet, Frederico Sodré, em 2023, com a parceria do Governo do Tocantins, houve investimento de mais de R$ 25 milhões, envolvendo todos os entes; em contrapartida, a economia movimentou R$ 290 milhões. 


Ainda de acordo com a Federação, a perspectiva é de que, em 2024, as feiras de exposições agropecuárias movimentem R$ 400 milhões, já que este ano devem ser realizadas 36 feiras, seis a mais que em 2023.