Governo fortalece cadeia produtiva de avicultura no Estado com reunião estratégica

Conclusão da planta frigorífica de abate de aves e outros programas de interesse da classe produtora no foco da reunião

Publicado em: 24/01/2024 19:16:00

Compartilhar com:

Foto: Divulgação/Ruraltins -


O Governo do Estado, por meio do Instituto de Desenvolvimento Rural do Estado do Tocantins (Ruraltins), juntamente com a Secretaria da Agricultura e Pecuária, Secretaria Estadual da Indústria e Comércio, Conselho Nacional de Abastecimento (CONAB), Prefeituras e Câmaras Municipais de Crixás e Aliança do Tocantins, promoveu uma reunião de suma importância na manhã desta quarta-feira, 24, na Sede da Associação Santa Tereza - Projeto de Assentamento (PA) Arlindo, município de Crixás do Tocantins.


A reunião teve como foco discutir a conclusão da planta frigorífica de abate de aves e outros programas governamentais de interesse da classe produtora. O evento contou com a presença do presidente do Ruraltins, secretário Estadual da Agricultura e Pecuária, secretário Estadual da Indústria e Comércio, prefeita de Crixás, prefeito de Aliança e o superintendente Estadual da CONAB.


Durante a reunião o Secretário da Agricultura, Jaime Café, expressou sua gratidão pela proatividade dos envolvidos no projeto,e  destacou o empreendedorismo do Senhor Assis, parabenizou ainda as gestões municipais pelo trabalho conjunto: "A boa política se reflete nas ações que proporcionam condições dignas à população", pontuou o secretário, que parabenizou as gestões municipais pelo trabalho conjunto e ressaltou a importância da sustentabilidade e rentabilidade na atividade rural.


O produtor Vanderlei Taqueira Leal, da Chácara Ranchinho, compartilhou suas expectativas, e ressaltou a importância de uma renda extra, proveniente do projeto de abate de aves para melhorar a qualidade de vida e investir na educação dos filhos: "Se nós tirarmos uma renda de mil reais, dois mil reais por mês, isso aí com certeza vai ajudar em casa, pagar uma faculdade no filho, alguma coisa", disse o produtor.  Ele destacou a importância do projeto para os pequenos produtores, como criadores de peixes.


Já a produtora Fernanda Dias, da Chácara Nova Esperança, enfatizou a versatilidade da produção de aves para complementar outras atividades existentes na comunidade, como a criação de peixes, e a necessidade da indústria funcionar para gerar renda dentro do assentamento: "O projeto é fundamental para a comunidade, e irá proporcionar oportunidades para os produtores locais, os jovens aqui do assentamento não precisam ir para outro lugar para poder conseguir gerar renda, para conseguir trabalhar”, ressaltou a produtora.


Ribanez de Sousa Rocha, técnico do Ruraltins, destacou a importância da planta frigorífica como um "grande divisor de águas" e ressaltou o caráter regional da agroindústria: "Essa indústria vai transformar a realidade do município, vai proporcionar a todos a gerar renda, gerar receita, gerar desenvolvimento, frisou o Ribanez".


O técnico enfatiza que a instalação dessa indústria representa uma mudança transformadora na realidade local. “A planta frigorífica não apenas cria uma nova fonte de produção, mas se torna um catalisador para a geração de renda e receita para a população”, declarou. Ele destaca que muitos jovens têm o sonho de se envolver nessa agroindústria, vendo-a como uma oportunidade não apenas de produzir frangos, mas também como meio para financiar seus estudos universitários.


Para o técnico, a agroindústria desempenha um papel crucial na transformação da realidade de um povo e de uma região. Ribanez enfatiza que “esse empreendimento não é isolado, mas possui um caráter regional,e  contribui para o fomento de um grande desenvolvimento em toda a área circunvizinha”, enfatizou.


Por sua vez, o presidente do Ruraltins, Washington Ayres, parabenizou os envolvidos no projeto, e ressaltou a importância da integração entre municípios e instituições. Washington destacou o papel fundamental do Ruraltins na extensão rural e no suporte ao produtor.


O presidente enfatizou a centralidade da assistência técnica continuada, como o primeiro eixo fundamental para impulsionar a agricultura familiar no estado.

Segundo Washington, a assistência técnica é ativa, pública, gratuita e de qualidade, é o alicerce essencial para o desenvolvimento sustentável da produção agrícola. O Presidente ressaltou que a presença constante da assistência técnica é um desafio prioritário para o ATER Tocantins, visando proporcionar suporte técnico aos agricultores familiares.


O presidente salientou que a assistência técnica não apenas impulsiona a produção, mas também facilita as vendas, seja para o mercado formal ou para os mercados institucionais. Ele destacou que “o governo, incluindo o próprio Ruraltins, desempenha um papel importante ao realizar compras institucionais, estimulando o comércio a fortalecer a agricultura familiar” enfatizou Washington.


Outro ponto relevante abordado pelo Presidente Washington Ayres foi a agroindustrialização, ele apontou a importância de agregar valor à produção dos agricultores e ressaltou que “o governo do estado desempenha um papel fundamental nesse processo, apoiando a transformação da matéria-prima em produtos de maior valor agregado”, pontuou o presidente.


O presidente expressou o compromisso do Ruraltins em intensificar cada vez mais a assistência técnica, investindo na qualificação do quadro de servidores, e destacou que o governador Wanderlei tem proporcionado as condições necessárias para o desenvolvimento desse trabalho.


A ênfase na assistência técnica como elemento fundamental para o progresso da agricultura familiar foi evidenciada pelos números de 2023, que apresentaram um avanço significativo em comparação com anos anteriores. O presidente ressaltou que “o governador Wanderlei imprime sua marca no compromisso com a assistência técnica, reconhecendo-a como um pilar essencial para os agricultores familiares no Tocantins”, finalizou.