Sociedade

Cinthia Ribeiro se reúne com Comissão da Mulher e defende políticas públicas permanentes

16/03/2017 09h51 | Atualizado em: 16/03/2017 10h04

Divulgação/Secom Palmas
A prefeita em exercício, Cinthia Ribeiro, esteve reunida na tarde desta quarta-feira, 15, na sede da Prefeitura de Palmas, com a Comissão da Mulher, da Câmara Municipal de Palmas. No encontro, a prefeita de Palmas, Cinthia Ribeiro, reiterou a fala proferida na Câmara Municipal em ocasião do Dia da Mulher – 8 de março, sobre a necessidade de se desenvolver políticas afirmativas permanentes para as mulheres. A prefeita em exercício acrescentou que o
Município está atento quanto às demandas de políticas públicas voltadas à mulher.

Para a presidente da Comissão da Mulher, na Câmara Municipal, Laudecy Coimbra, a reunião foi bastante propositiva. Ela contou que irá propor uma emenda constitucional alterando a Lei orgânica do Município, para que contemple um capítulo dedicado às políticas públicas a mulher.

“Ainda somos incipientes quanto às políticas públicas direcionadas a mulher, haja vista que
temos uma demanda muito grande, por isso precisamos melhorar as políticas voltadas às
questões da mulher”, disse.
Ideia compartilhada pela vereadora Vanda Monteiro, que defende a criação de um organismo para tratar de assuntos direcionados à Mulher.

Para a representante da OAB/TO, Graziela Tavares de Sousa Reis, a reunião serviu para alinhar as políticas defendidas pelas mulheres. “Foi muito positivo, pois a atual gestão está atenta e imbuída em melhorar as condições de infraestrutura da Casa Abrigo e do Centro de Referência da Mulher e fortalecer as políticas públicas voltadas para a mulher”, ressaltou.

A conselheira Municipal dos Direitos da Mulher, Mirtes Moura, destacou a necessidade de se atualizar a Lei do Conselho dos Direitos da Mulher, criada em 1999. “A atualização da lei do conselho será de suma importância para execução de políticas públicas, pois só tem poder consultivo e não deliberativo”, disse.

A reunião contou também com a presença da vice-presidente do Conselho Estadual da Mulher, e diretora de Políticas das Mulheres do Estado, Ana Maria Guedes e da representante do Ministério Público Estadual, Leila Maria Lopes da Silva. (Com informações da Secom/Palmas)