Caravanas de produtores rurais movimentam a Agrotins

  • 12/Mai/2017 16h33
    Atualizado em: 12/Mai/2017 às 16h40).
Caravanas de produtores rurais movimentam a Agrotins Foto: Welcton de Oliveira/Governo do Tocantins

Com o objetivo de proporcionar conhecimento e acesso às novas tecnologias de produção para os pequenos produtores rurais dos 139 municípios tocantinenses, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado do Desenvolvimento da Agricultura e Pecuária (Seagro) organizou uma programação especial para atender as caravanas de agricultores rurais na 17ª Feira de Tecnologia Agropecuária do Tocantins (Agrotins 2017).

Na feira, é possível encontrar as caravanas de produtores rurais em diversos pontos: pavilhão da pecuária, da agricultura familiar, fruticultura, na piscicultura, na Embrapa, visitando estandes e participando de palestras, seminários, dia de campo, todos os interessados em as tecnologias de máquinas e equipamentos ou mesmo com as formas práticas e eficientes de cultivar plantações ou criar animais.

“É a primeira vez que venho na Agrotins e fiquei impressionada com a quantidade de novidades que a gente encontra aqui, vou levar muita coisa boa na bagagem, principalmente sobre hortaliças que é uma das áreas que desenvolvo”, disse a produtora rural, Rosimar Coelho, de 46 anos, que veio em uma caravana do município de Colmeia. Ela ainda conferia em um estande de tambores e cochos, opções para trocar os vasilhames que usa para a comercialização do leite que produz na propriedade.

Em busca de um objetivo claro e direto, a caravana de produtores rurais do Assentamento Rural Santa Fé em Palmas esteve na Agrotins para participar de palestras e conhecer mais sobre produção e comercialização de frangos. Reunidos no pavilhão da agricultura familiar, cerca de 20 produtores do assentamento acompanhavam atentos informações sobre criação de aves para abate. “Estamos aprendendo aqui como criar aves em um espaço de confinamento, reduzindo prazos para o abate e aumentando, com isso, o lucro na produção para os pequenos agricultores”, ressaltou o presidente da Associação de Mulheres e Jovens Produtores do Assentamento Santa Fé (Amjosfe), Moacir Lopes Chaves.

Já o senhor Valberto da Silva, de 59 anos, produtor rural do município de Aparecida do Rio Negro, contou que, com ele, veio um grupo de vários outros produtores rurais, e que juntos visitaram experimentos obtendo informações dos técnicos que acompanham as caravanas. “A Agrotins é uma oportunidade para nós que vivemos da agricultura buscar formas de melhorar nossa produção”, destacou ele, enquanto chamava a atenção para uma espécie de capim resistente a pragas, desenvolvido pela Embrapa.

Triagem

Segundo informou a gerente de Associativismo e Cooperativismo da Seagro, Sandra dos Santos Mendes Correia, neste ano, as caravanas estão sendo recepcionadas no Centro de Pesquisa da Fundação Universidade do Tocantins (Unitins), onde recebem informações básicas sobre a feira e é feita uma triagem dos grupos, conforme áreas de conhecimento de interesses dos participantes. (Secom/TO)