Oziel Pereira, Zailon Labre e José Roberto integram lista para o cargo de procurador-geral do MPC

  • 18/Nov/2021 17h58
    Atualizado em: 18/Nov/2021 às 18h08).

Em eleição realizada  na manhã desta quinta-feira, 18, o Ministério Público de Contas formou a lista tríplice com os três mais votados, que segue agora para  o governador nomear o procurador geraldo MPC. O governador tem  tem 15 dias para escolher o nome.

Com dois votos para Oziel Pereira dos Santos, dois para Zailon Miranda Labre Rodrigues e um para José Roberto Torres Gomes, a Procuradoria-Geral de Contas formou, na manhã desta quinta-feira, 18, a lista tríplice com os nomes dos procuradores de Contas que concorrem ao cargo de procurador-geral do Ministério Público de Contas (MPC/TO). A eleição aconteceu na sede da Procuradoria, localizada no prédio Ruy Barbosa, em Palmas.

Agora, a lista será encaminhada ao governador em exercício do Estado, Wanderlei Barbosa, que terá 15 dias para definir quem representará o Ministério Público de Contas (MPC) como procurador-geral de Contas. Caso o governador não nomeie dentro desse prazo, o TCE dará posse ao candidato mais votado para o biênio 2022/2023.

Eleição

O atual procurador-geral, José Roberto, agradeceu ao trabalho de todos para a realização de uma eleição tranquila e destacou que o Ministério Público de Contas cumprirá seu papel de cobrar a boa aplicação dos recursos públicos.

O procurador Oziel Pereira destacou também o trabalho dos servidores do MPC e reforçou a importância da união para manter o foco que é defender os interesses do povo tocantinense.

Já o procurador Zailon Labre comentou que a eleição para procurador-geral é um processo democrático como outros e ocorreu de forma tranquila. “Cabe agora ao governador fazer a escolha de quem vai assumir o cargo nos próximos dois anos”.