Covid-19: Boletim desta sexta-feira registra 246 novos casos, 88 deles na Capital, além de mais duas mortes

  • 05/Nov/2021 12h55
    Atualizado em: 05/Nov/2021 às 12h58).

O 594º Boletim epidemiológico expedido pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) informa que nesta sexta-feira, 5, foram contabilizados 246 novos casos confirmados para Covid-19. Deste total, 30 foram registrados nas últimas 24 horas e o restante por exames coletados em dias anteriores e que tiveram seus resultados inseridos no sistema, pelos municípios, na data de ontem.

Acompanhe no gráfico abaixo a distribuição dos novos casos confirmados, segundo município de residência dos pacientes.













Números acumulados

Hoje o Tocantins registra um total de 702.412 pessoas notificadas com a Covid-19 e acumula 229.286 casos confirmados da doença. Destes pacientes, 224.463 estão recuperados e 937 estão ainda com o vírus ativo, dos quais, 73 estão hospitalizados e os demais seguem em isolamento domiciliar; o número de mortes pela doença chega a 3.886.

Novos Óbitos

1. Homem, 51 anos, residente em Riachinho. Comorbidades: diabetes. Óbito em 15/10/21 no Hospital Regional de Araguaína.

2. Mulher, 61 anos, residente em Paraíso do Tocantins. Comorbidades: Não relatado. Óbito em 16/10/2021 no Hospital Regional de Paraíso do Tocantins.

Imunização

Dados disponíveis no Vacinômetro da SES, atualizados nesta sexta-feira, 5, apontam que o Tocantins recebeu do Ministério da Saúde até a presente data, 2.370.855 doses dos imunizantes e distribuiu 2.250.290 doses aos 139 municípios do Estado, das quais 1.771.231 foram aplicadas.

Das vacinas aplicadas, 1.027.629 são referentes à 1ª dose, o que corresponde a 64,62% da população tocantinense; 667.146 são referentes à 2ª dose, ou 41,95% da população e, 32.734 são referentes ao imunizante de dose única, correspondente a 2,06% da população do Estado. No geral o Tocantins tem hoje, 44,01% da sua população imunizada com as duas doses ou com a vacina de dose única.

Reforço

O Vacinômetro registra também que 43.722 doses de reforço já foram aplicadas pelos municípios, o que corresponde a 2,75% do público alvo.