V semana da Piscicultura gratuita do UniCatólica acontece de 4 a 6 de novembro

  • 03/Nov/2021 10h22
    Atualizado em: 03/Nov/2021 às 10h27).

Presente na maioria das cidades tocantinenses, a piscicultura tem se destacado na produção de peixes seja para comercialização, sustento ou lazer. Dados de um estudo realizado em 2018 pelo Censo da Piscicultura, e divulgados pelo Instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins (Ruraltins), afirmam que a atividade produz 14.328 toneladas de pescado por ano e está presente em 117 municípios do Estado, com 1.099 produtores em atividade.

Ainda de acordo com o levantamento, o maior estado fornecedor de alevinos para os produtores é o Tocantins e as espécies mais cultivadas são o tambaqui com 48%, seguida dos peixes redondos 23,4%, caranha, 11,4% e o surubim/pintado 10,5%. E para ampliar a discussão e promover conhecimento acerca desta cadeia produtiva, o Centro Universitário Católica do Tocantins (UniCatólica) promove nos dias 4, 5 e 6 de novembro, a V Semana da Piscicultura gratuita a acadêmicos, docentes, profissionais da área e comunidade externa.

Com o tema: “Cenários, tendências e perspectivas: o peixe como destaque no Tocantins”, o evento acontecerá no formato híbrido, com palestras online, e um Dia de Campo e contará com a contribuição de pesquisadores da Embrapa, do Diretor-presidente da PeixeBR, Dr. Francisco Medeiros das Chagas, e do Gerente de Aquicultura da Adisseo, o zootecnista Thiago Ushizima, como explica o organizador, professor mestre Thiago Fontolan Tardivo.

“O principal objetivo desse evento é trazer informações do setor a nível nacional e estadual no âmbito de produção e pesquisa. Com isso, fortalecemos as parcerias entre o UniCatólica e as instituições e levamos conhecimento aos nossos acadêmicos, produtores, técnicos e gestores”, disse.

A Chefe de Pesquisa e Desenvolvimento da Embrapa Pesca e Aquicultura, Dra. Lícia Maria Lundstedt, pontua detalhes da sua participação no evento. “Abordarei sobre a pesquisa e desenvolvimento na piscicultura, cenários e perspectivas, mas os demais temas relevantes para a piscicultura também serão discutidos, tais como infraestrutura, sistemas de produção, qualidade de água, boas práticas de manejo e nutrição e manejo alimentar, que são temáticas primordiais para o sucesso de um empreendimento aquícola”, ponderou destacando a relevância do evento para o compartilhamento de informações e conhecimento que contribuirá para a divulgação da piscicultura que é a atividade agropecuária que mais cresce no país.

Demais participações

A Semana contará ainda com outros pesquisadores da Embrapa Pesca e Aquicultura, da PeixeBR e da Adisseo, entre eles, Ana Paula Oeda que concentrará sua participação na apresentação da subsistência dos peixes. “Vou falar um pouco da pesquisa e desenvolvimento na área de nutrição e alimentação de peixes, como ela evoluiu no Brasil e quais são seus desafios. O foco será os peixes nativos pirarucu e tambaqui. O tema é importante à medida que será apresentado aos alunos os resultados do que temos desenvolvido e a própria área da nutrição e alimentação de peixes que ainda é relativamente jovem e carente de informações e técnicos”, conclui Ana Paula.

E para falar sobre os principais aspectos da produção de peixes em Sistemas de Recirculação Aquícola, conhecido como RAS, o Dr. Fabrício Rezende quem conduzirá a palestra. Segundo ele, o modelo difere da produção de peixes em tanques elevados apesar de se utilizar a mesma estrutura.

“Ocorre uma percepção muito equivocada de que produção em tanques elevados permite alta produtividade o que é um erro, isso só ocorre se o sistema de filtragem e bombeamento de água estiver bem dimensionado, o que muitas vezes não acontece. Então abordarei, nessa capacitação, todos os aspectos que tratam o sistema de dimensionamento, as vantagens e desvantagens de cada um dos tipos de infraestrutura e mostrar o principal ponto que é não confundir produção de peixes em tanques e produção de peixes em Sistema RAS”, destacou o pesquisador.

Os interessados podem se inscrever pelo link: https://to.catolica.edu.br/portal/evento/v-semana-da-piscicultura/ (Fonte: Ascom UniCatólica)