Campeonato de Bicicross vai reunir principais pilotos em Palmas

  • 14/Out/2021 15h14
    Atualizado em: 14/Out/2021 às 15h19).

O certame será no Parque Cesamar e os competidores virão dos estados do Pará, Maranhão e Goiás

Depois de anos, Palmas volta a ser sede de uma competição na modalidade bicicross, que será no domingo, 17, a partir das 15h. O evento é da Federação Tocantinense de Ciclismo (FTC), com apoio do Governo do Tocantins, por meio da Secretaria de Estado de Educação. São esperados pelo menos 60 pilotos. A maioria é da Capital, mas há inscrições dos estados do Pará, Maranhão e Goiás.

A etapa é única e vale pelo Campeonato Estadual, com 13 categorias diferentes. Interessados ainda podem se inscrever, mas precisam estar atentos aos critérios estabelecidos pelos organizadores.

Link para inscrição: https://forms.gle/QQcZzxygL72sTpoJA

No site é possível escolher em qual categoria se inscrever, como Elite Man, Elite Feminino, Elite Cruiser, Master 40 Mais, MTB Full, MTB Rígida, Boys até 05 anos, Boys de 06 a 08 anos, Boys de 09 a 10 anos, Boys de 11 a 12 anos, Boys de 13 a 14 anos, Boys de 15 a 16 e a Open 17 Mais.

Todos os pilotos terão a possibilidade de executar treinos livres no sábado, 16, e também fazerem a retirada das placas com o numeral das bikes. A data é única para que cada inscrito pegue o número. Também haverá treinos livres no domingo pela manhã, até às 13h30.

A organização estabeleceu o aquecimento entre 14h e 14h40, antecedendo a largada oficial, que será às 15h.

Segundo Fernando Denes, um dos organizadores da prova, “cada categoria vai largar três vezes, sendo oito pilotos por vez, deixando o gate”.

A prova terá cronometragem oficial pela FTC, e os campeões serão conhecidos já no final do evento, quando haverá a entrega da premiação.

Os organizadores informam que a Pista de Bicicross de Palmas está entre as melhores da Região Norte do País, e até já foi sede de uma etapa do Campeonato Brasileiro da modalidade.

O percurso tem cerca de 415 metros de extensão, com diversos obstáculos como duplos, triplos, mesas, costelas e curvas asfaltadas, o que dá as características de pistas que atendem critérios da Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC).

Para facilitar o trabalho da organização e manter o alto nível da prova, além do platô, haverá também o gate eletrônico, que possibilita a saída de oito pilotos por vez, com o portão pneumático baixando para a largada e a explosão dos pilotos em busca da melhor colocação. (Por Luiz Henrique Machado/Freelancer)