Ação conjunta das Polícias Civis do Tocantins e da Bahia resulta na prisão de homem investigado por estupro virtual de crianças e adolescentes

  • 05/Abr/2021 16h20
    Atualizado em: 05/Abr/2021 às 16h22).

Homem já havia sido denunciado internacionalmente, mas somente nesta segunda-feira, 5, foi localizado e preso.

Em ação conjunta, as Polícias Civis do Tocantins e da Bahia deflagraram nesta segunda-feira, 5, operação para dar cumprimento, no município de Ibipitanga (BA), a mandado de prisão em desfavor de um homem, de 20 anos, que praticava estupro de maneira virtual de crianças e adolescentes. Conforme a Divisão Especializada de Repressão a Crimes Cibernéticos (DRCC) da Polícia Civil do Tocantins, o indivíduo foi preso em sua residência. No local, os agentes apreenderam aparelhos de telefone celular com imagens e vídeos de vítimas.

Conforme o delegado adjunto da DRCC, Claudemir Luiz Ferreira, o autor valia-se de mais de 80 perfis falsos na rede social Instagram. “Ele iniciava conversas com crianças e adolescentes, conseguia fotos e vídeos íntimos das vítimas e depois ficava chantageando para que as mesmas continuassem a se exibir sexualmente para ele”, relata o delegado que as investigações apontaram que o homem fez vítimas nos estados do Tocantins, Minas Gerais, Ceará, entre outras unidades da federação.

De acordo com o delegado Claudemir, o perfil do criminoso já havia sido denunciado internacionalmente em duas ocasiões, mas somente agora ele foi localizado. O homem preso foi ouvido e encaminhado para a cadeia pública de Macaúbas-BA e aguarda recambiamento ao Estado do Tocantins.