Homem condenado por tráfico de drogas é preso em flagrante pelo mesmo crime em Cristalândia

  • 12/Nov/2020 16h40
    Atualizado em: 12/Nov/2020 às 16h47).

Homem preso já era investigado pela Polícia Civil por suposto envolvimento em crime de tráfico na cidade.

Policiais Civis da 59ª Delegacia de Polícia Civil de Cristalândia, comandados pela delegada-chefe do DP, Jeannie Daier de Andrade, deflagraram na manhã desta quinta-feira, 12, mais uma ação de combate à criminalidade, a qual resultou na prisão de um homem de 28 anos de idade. O homem já possui condenação por tráfico de drogas e hoje foi novamente autuado em flagrante pelo mesmo crime.

Conforme relata a delegada, o indivíduo capturado já estava sendo investigado e também monitorado pela Polícia Civil por envolvimento com o tráfico de substâncias entorpecentes em Cristalândia. Porém, no dia 10 de novembro de 2020, foi expedido Mandado de Prisão contra o suspeito, por condenação em crime de mesma natureza, ocorrido em 2019.

Determinado o cumprimento do Mandado de Prisão pela Autoridade Policial, a equipe da 59ª DP permaneceu em campana nas imediações da residência do homem quando verificou, nessa manhã, uma intensa movimentação no interior do imóvel. Dessa maneira, os policiais procederam à abordagem do indivíduo no momento em que este entrava em sua residência. Após a realização de busca pessoal no investigado, bem como em seu veículo, os agentes localizaram e apreenderam porções de maconha, porções de substância semelhante à cocaína, certa quantia em dinheiro, dois aparelhos de celular, além de um notebook.

Diante dos fatos, o homem foi autuado em flagrante delito pela prática, em tese, de tráfico de drogas, crime tipificado pelo Art. 33 da Lei 11.343/06(Lei de Drogas), cuja pena varia de 5 a 15 anos. Além disso, foi dado cumprimento ao Mandado de Prisão expedido pelo Juízo da Comarca de Cristalândia. Após a realização dos procedimentos legais cabíveis, o investigado foi recolhido à Casa de Prisão Provisória de Paraíso do Tocantins, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.