Polícia Civil abre inquérito para apurar morte de idosa de Lajeado que estava desaparecida

  • 19/Out/2020 15h08
    Atualizado em: 19/Out/2020 às 15h20).

A idosa estava desaparecida desde o dia 29 de setembro e foi encontrada neste domingo, 18, nas proximidades de um ponto de ônibus localizado logo após a ponte que liga Lajeado à Miracema.

A Polícia Civil do Tocantins, por meio da 69ª Delegacia de Polícia de Tocantínia, na região central do Estado, instaurou inquérito para apurar as causas da morte da idosa Eva Corsino da Cunha, de 69 anos, moradora do município de Lajeado. O corpo da idosa, que estava desaparecida desde o dia 29 de setembro, foi localizado neste domingo, 18, próximo ao ponto de ônibus situado logo após a ponte que liga Lajeado à Miracema. Populares encontraram o corpo e acionaram a Polícia Militar, que acionou a Perícia Criminal e o Instituto de Medicina Legal (IML).

O inquérito para apurar a morte da idosa será conduzido pelo delegado-chefe da 69ª DPC, Hismael Athos. Ele vai ouvir os familiares, amigos e conhecidos da idosa e aguardar o resultado do laudo que indicará as causas da morte de dona Eva Corsino. Informações preliminares indicam que a idosa estava deprimida e que teria sido vista pela última vez na TO-010.