Fiscalização Integrada reunirá órgãos ambientais e de segurança para monitoramento em torno de Taquaruçu

  • 18/Set/2020 17h13
    Atualizado em: 18/Set/2020 às 17h15).

A intensificação ocorre por conta do aumento dos focos de queimadas nos finais de semana em Palmas e região

Diversos órgãos ambientais e de segurança, integrantes do Comitê Estadual do Fogo, vão participar da Ação de Fiscalização Integrada Contra os Incêndios Florestais, que acontecerá neste sábado, 19. O trabalho conjunto visa reprimir o aumento dos registros observados nos finais de semanas em Palmas e também nos arredores da capital.

O encontro das autoridades para definição das estratégias, formação das equipes e distribuição das rotas está marcada para às 8h, na Praça Joaquim Maracaípe, no centro de Taquaruçu. Os trabalhos serão executados por terra com as viaturas e de avião pelo ar.

Os órgãos serão representados pelos seus respectivos dirigentes e chefes designados, a começar pelo comandante do Corpo de Bombeiros Militar, coronel Reginaldo Leandro da Silva, que também é coordenador estadual de Proteção e Defesa Civil, tenente-coronel Erisvaldo Alves, coordenador-adjunto da Defesa Civil Estadual e Presidente do Comitê, o coronel Carlos Brusch, comandante do 22º Batalhão de Infantaria (em Palmas), Sebastião Albuquerque, presidente do Naturatins, Marcos Cézar, comandante da Capitania Araguaia-Tocantins (Marinha), procurador de Justiça e coordenador do CAOMA, Dr José Maria, dentre outros.

Todos estarão monitorando as ações em conjunto e, ao mesmo tempo, estarão prontos para agir com autuações ou notificações a possíveis infratores causadores de danos ambientais. Fazem parte das equipes de fiscalização fiscais do Naturatins, Guardas da GMP e fiscais da Fundação de Meio Ambiente de Palmas e do Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA), da Polícia Militar.

Há mais de três semanas, as serras que cercam o distrito de Taquaruçu e nos arredores de Palmas, têm sua vegetação queimada pelas chamas. Bombeiros militares, Exército Brasileiro e brigadistas do Naturatins estão juntos nos combates desde então. (Fonte: Ascom/CBMTO)