Governo cria programa de consórcios intermunicipais visando ampliar mercado de alimento no Tocantins

  • 06/Abr/2020 15h37
    Atualizado em: 06/Abr/2020 às 15h39).

O programa, lançado nesta segunda-feira, 6, em videoconferência contou com a participação de mais de 50 secretários municipais de agricultura do TO

Em videoconferência ocorrida nesta segunda-feira, 6, em Palmas, com a participação de 56 secretários de agricultura do Tocantins, o secretário de Agricultura, Pecuária e Aquicultura (Seagro), César Halum reafirmou políticas públicas do Governo do Estado para o setor agropecuário e lançou o programa consórcios intermunicipais entre os municípios que já têm o Sistema de Inspeção Municipal (SIMs), visando a ampliação de mercados de alimentos, por meio da formalização de consórcios entre municípios tocantineses. A segunda parte da videoconferência acontece até quarta-feira, 8, quando o corpo técnico da Seagro e de Minas Gerais darão orientações aos municípios.

Em sua fala, Halum inicialmente trouxe a mensagem de criar alternativas para que a economia do Tocantins supere a pandemia do coronavírus sem altos impactos. “Devemos estar preparados com novas alternativas para que as economias municipais e do Estado sofram minimamente estes impactos, por meio da ampliação desses mercados”, afirmou.

Ainda a respeito de soluções para superar o momento de instabilidade, Halum informou “a aquisição de recursos na ordem de R$ 2,5 milhões, garantidos pelo Governo Federal por meio do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) para o setor agropecuário. A expectativa é que a verba seja liberada logo que depois desta crise”, explicou.

A gerente de Agroindústria da Seagro, Verônica França disse que o principal objetivo dos consórcios “é ampliar o mercado consumidor das agroindústrias registradas nos SIMs no Tocantins”.

O secretário de agricultura de Taguatinga (TO) João Paulo classificou de “alternativa importante” a formalização de consórcios intermunicipais. “Na nossa região o consórcio será muito bem-vindo pois vai contemplar vários municípios da região sudeste”, garantiu.

Também participaram da videoconferência pela Seagro, o secretário-executivo Adenieux Santana, os diretores José Américo, Carlos Martins e a gerente de Agroindústria Verônica França.

Dentre os municípios, participaram da videoconferência: Alvorada; Angico; Augustinópolis; Abreulândia; Aragominas ; Araguaçu; Couto Magalhaes ; Combinado; Colinas; Crixás; Caseara ; Cristalândia; Carrasco Bonito; Chapada de Natividade ; Chapada de Areia; Dianopólis; Divinópolis; Dois Irmãos; Filadélfia; Formoso do Araguaia; Guaraí; Gurupi; Itaporã; Lagoa da Confusão; Luzinópolis; Lajeado; Miranorte; Marianópolis; Natividade; Piraquê; Porto Nacional; São Miguel; São Sebastião; Nova Rosalândia; Sandolândia; Taguatinga; Palmeirante; Pedro Afonso; Santa Terezinha; Praia Norte; Silvanopólis;Tocantinia; Presidente Kennedy; Santa Rosa; Talismã; Santa Rita; Paraíso do TO. (Fonte: Ascom/Seagro)

--