Tocantins fatura 15 medalhas no primeiro dia das Paralimpíadas Escolares 2019

  • 21/Nov/2019 10h51
    Atualizado em: 21/Nov/2019 às 10h53).
Tocantins fatura 15 medalhas no primeiro dia das Paralimpíadas Escolares 2019 Foto: Núbia Daiana Mota/Governo do Tocantins

Os paratletas da delegação Tocantinense começaram bem as disputas na 13ª edição das Paralimpíadas Escolares. Já no primeiro dia de competições, foram 15 medalhas, sendo oito de ouro, cinco de prata e duas de bronze.

A chefe da Delegação, Márcia Rezende, comemorou o saldo. "Foi um resultado muito positivo, pois os veteranos foram muito bem nas provas e os novatos nos surpreenderam. Nossa expectativa é que tenhamos mais dois dias de muitas medalhas", destacou.

Medalhistas

Das oito medalhas de ouro, duas foram conquistadas no arremesso de peso por alunas de Araguanã: Kauany da Silva, da Escola Estadual São Pedro; e Aline Jordana de Carvalho, da Escola Estadual Machado de Assis.

Bárbara Cruz, da Apae de Araguaína, conquistou dois ouros: um no arremesso de peso, outro na prova de corrida de 100 metros.

Os estreantes também se destacaram. Flaymisson Cortês foi ouro no lançamento de dardo. Ele é aluno da Escola Estadual Piaçava, localizada no distrito Piaçava, de Nazaré. Maury Oliveira, do Colégio João de Abreu de Dianópolis, foi campeão na prova dos 75 metros. A também estreante, a dianopolina Ana Stela Trindade, conquistou o ouro no arremesso de peso.

Luiz Fernando Pereira se destacou no lançamento de dardo e garantiu o primeiro ouro nesta edição das Paralimpíadas. Luiz é aluno da Escola Estadual Maria dos Reis, de Palmas.

Já as cinco medalhas de Prata foram conquistadas pelos atletas: Maury e Alan César, da Apae de Miracema, no arremesso de peso; Hentony Santos, da Escola Estadual Machado de Assis, de Araguanã, e Maria de Lurdes Coelho, da Escola Estadual Modelo, de Araguaína, ambos na corrida de 60 metros; e Guilherme Almeida, da Escola Estadual Dom Orione, de Tocantinópolis, no tênis de mesa em duplas.

Mais três atletas chegaram ao 3º lugar do pódio. Alefsander Martins, do Colégio Tocantins, de Miranorte, foi bronze na prova de pista dos 75 metros. Diáconos Silva garantiu a terceira colocação no nado costas. Kauany garantiu mais uma medalha, desta vez pelo terceiro melhor tempo nos 75 metros. (Fonte: Secom/TO)