CPI que investiga BRK Ambiental em Gurupi realiza audiência pública nesta terça, 19

  • 19/Nov/2019 11h49
    Atualizado em: 19/Nov/2019 às 11h51).
CPI que investiga BRK Ambiental em Gurupi realiza audiência pública nesta terça, 19 Foto: Josy Donato

Como parte do cronograma da Comissão Parlamentar de Inquérito instaurada pela Câmara Municipal de Gurupi para apurar denúncias de irregularidade da BRK Ambiental, realiza nesta terça-feira, 19, às 19h no Plenário da Casa de Leis, audiência pública com o intuito de ouvir a comunidade para coletar reclamações e sugestões que farão parte do relatório final da CPI. O presidente da concessionária foi convocado para prestar esclarecimentos.

Também foram convocados representantes da Agência Tocantinense de Regulação (ATR) e da Prefeitura de Gurupi e a recém criada Agência Gurupiense de Regulação e Fiscalização. O parlamentar ressaltou a importância da presença da comunidade na audiência.

“Oportunizar a população a questionar os serviços dessa concessionária, importante ressaltar que estamos dentro de um processo onde é obrigatório a presença de um representante da BRK Ambiental, então a comunidade poderá fazer os questionamentos, que não fique apenas nas redes sociais, para que possamos transformar isso em documento e quem sabe trazer melhorias para esse serviço público tão essencial para nossa cidade”, observou.

Conforme Jenilson, a ATR também foi convocada por ter obrigações dentro do contrato, mas não deve comparecer devido à exoneração da presidente e vice-presidente da agência. “Apesar de termos solicitado a presença de algum técnico, ainda não enviaram-nos um segundo nome que possa representar a unidade”. Já a Agência Tocantinense de Saneamento (ATS) e Agência Estadual de Metrologia (AEM) foram apenas convidadas para contribuírem com a audiência.

Todo o material coletado durante a audiência pública será transformado em documento que fará parte do relatório de conclusão da CPI. O prazo final para entrega do documento é dia 23 de dezembro deste ano, mas conforme o presidente da comissão, a previsão é que o inquérito seja concluído e entregue até o próximo dia 12 de dezembro. (Fonte: Assessoria de Imprensa)