SES e parceiros promovem ações para lembrar Dia Mundial de Luta Contra a Aids

  • 28/Nov/2018 16h22
    Atualizado em: 28/Nov/2018 às 16h26).
SES e parceiros promovem ações para lembrar Dia Mundial de Luta Contra a Aids Foto: Divulgação

No dia 27 de outubro de 1988, a Assembleia Geral da ONU e a Organização Mundial de Saúde (OMS) instituíram o dia 1º de dezembro como o Dia Mundial de Luta contra a Aids. Desde então o Ministério da Saúde/Departamento de IST, Aids e Hepatites Virais e os Estados e municípios realizam campanhas que visam alertar a população para a gravidade da doença, formas de prevenção e tratamento, buscando enfocar públicos alvo, populações chaves, conforme foi se desenhando o perfil da doença no Brasil.

No Tocantins, conforme dados da SES, 2.985 pessoas vivem com HIV, sendo Araguaína, o município com maior número de casos, com 1.302 notificados. Este ano, a Área Técnica de DST, Aids e Hepatites Virais do Estado do Tocantins, chama a atenção para população geral e populações chave: Pessoas privadas de liberdade, jovens HSH (Homens que fazem Sexo com outros Homens), e populações prioritárias: jovens, população negra, população indígena e população em situação de rua.

A Campanha Estadual de 2018 tem como slogan: Uma gota de sangue pode fazer a diferença, Faça o teste de HIV na Unidade de Saúde mais próxima de você. Enfocando a importância da Testagem Rápida do HIV, como também do uso dos preservativos/camisinhas para a prevenção do HIV/Aids e outras IST (Infecções Sexualmente Transmissíveis). O objetivo é atingir a maior parte da população.

Testes rápidos

Além da prevenção à Aids, a campanha também aproveita para divulgar a acessibilidade aos testes rápidos mais próximos do usuário da rede pública de saúde, na qual o Estado vem promovendo a formação de novos profissionais habilitados nos municípios para realização da técnica que permite, tanto o diagnóstico do HIV, quanto a avaliação para sífilis e hepatites virais B e C, nas Unidades Básicas de Saúde.

Os testes rápidos estão disponíveis nas Unidades Básicas de Saúde da maioria dos municípios do Estado e nos Serviços de Assistência Especializada – SAE (Araguaína, Palmas, Paraíso do Tocantins, Porto Nacional e Gurupi), Centros de Testagem e Aconselhamento – CTA (Araguaína e Palmas).

As ações da campanha estão pautadas no incentivo aos municípios a ofertarem testes-rápidos à população, distribuição de preservativos, e palestras educativas e da propaganda midiática e redes sociais, devido à grande mobilização e poder de alcance que esta modalidade de comunicação possui, além do incentivo à iluminação de prédios públicos.

A gerente de DST/AIDS, Caroline Biserra, acredita que essa é a forma de chamar a atenção da sociedade para a Campanha do Dia Mundial de Luta contra a Aids. “Muitos são os esforços empregados pela Secretaria de Estado da Saúde por meio da Superintendência de Vigilância, promoção e Proteção à Saúde/Área Técnica Estadual, a fim de ampliar a oferta de exames para o diagnóstico precoce da infecção pelo HIV, bem como tratamento em tempo oportuno aos pacientes diagnosticados com HIV/Aids” destacou.