Carlesse visita escola em Palmas e anuncia obras em oito unidades de ensino

  • 08/Nov/2018 17h28
    Atualizado em: 08/Nov/2018 às 17h38).
Carlesse visita escola em Palmas e anuncia obras em oito unidades de ensino Foto: Manoel Lima/Governo do Tocantins

O governador Mauro Carlesse e a secretária de Estado da Educação, Juventude e Esportes, Adriana Aguiar, visitaram, nessa quarta-feira, 7, a  Escola Estadual Elisângela Glória Cardoso, em Palmas. Além de conhecer in loco a estrutura e a metodologia da unidade, que oferece o ensino médio na modalidade integral, o governador assinou ordens de serviço para o início das obras em sete unidades de ensino, que receberão cerca de R$ 2,1 milhões em investimentos. As escolas passarão por reforma geral da estrutura elétrica, incluindo instalação de transformador de energia. Todos os prédios também receberão pintura.

As obras começarão neste mês de novembro e beneficiarão os estudantes das seguintes escolas: Centro de Ensino Médio (CEM) Rui Barbosa e CEM Benjamim José de Almeida (Araguaína); CEM Castelo Branco (Colinas); CEM Antônio Póvoa (Dianópolis); CEM Dona Filomena (Miracema); CEM Oquerlina Torres (Guaraí); e CEM Darcy Marinho (Tocantinópolis). Além destas, o CEM Bom Jesus, de Gurupi, também foi contemplado com a reforma elétrica e pintura, cuja ordem de serviço foi assinada no dia 1º de novembro.

Na oportunidade, o governador destacou a relevância dos investimentos em Educação para o desenvolvimento dos estudantes. “Estamos trabalhando para dar o conforto para os alunos e melhores condições de trabalho para os servidores. Com essas obras nas oito escolas, estamos empenhados em resolver problemas como a inadequação da rede elétrica para suportar a climatização das escolas. Além destas, a Seduc está fazendo um levantamento da situação estrutural das nossas escolas e vamos fazer muitas obras e reformas gradualmente dentro do orçamento”, enfatizou Mauro Carlesse.

As oito escolas fazem parte do Projeto Escola Jovem em Ação, iniciativa do governo federal, desenvolvida pelo Ministério da Educação, em parceria com os estados. Os princípios educativos do modelo do Projeto são o incentivo ao protagonismo juvenil, a pedagogia da presença e a educação interdimensional. As disciplinas eletivas, o projeto de vida e clubes de protagonismo também são diferenciais do projeto implantado em 12 escolas da rede estadual.

Novas escolas de ensino médio integral

Conforme Adriana Aguiar, a oferta das escolas Jovem em Ação será ampliada em 2019 para atender outras dez escolas da rede estadual tocantinense. Segundo ela, a divulgação das novas unidades contempladas será feita pelo Ministério da Educação nessa sexta-feira, 9. “Estamos muito satisfeitos com essa expansão do programa, que vem dando excelentes resultados. O Jovem em Ação busca desenvolver no aluno habilidades e competências de liderança, auxiliando os jovens a construírem seus projetos de vida, incentivando-os a irem em busca de seus sonhos. Este é um modelo que potencializa a capacidade dos alunos, oferecendo tutoria e apoio”, ressaltou.

Na Escola Elisângela, o governador visitou as salas temáticas, o complexo poliesportivo e demais instalações. Mauro Carlesse conversou com os estudantes e assistiu demonstrações de experimentos feitos pelos estudantes nos laboratórios de química, física e biologia. “Essa visita foi uma experiência gratificante, ao ver os alunos muito bem instalados e satisfeitos com as diversas atividades oferecidas nessa escola. Isso nos dá ainda mais ânimo em colaborar para que essa proposta seja ampliada para outras escolas. É isso que queremos: que o projeto seja ampliado e mais jovens atendidos com estrutura física e pedagógica de primeiro mundo”, enfatizou Mauro Carlesse.