Com sete unidades em construção, Prefeitura deve zerar demanda por vagas

  • 21/Jul/2018 16h11
    Atualizado em: 21/Jul/2018 às 16h15).
Com sete unidades em construção, Prefeitura deve zerar demanda por vagas Foto: Walquerley Ribeiro

A Prefeitura de Palmas não tem medido esforços para concluir as obras de sete novas unidades educacionais destinados à Educação Infantil – os Centros Municipais de Educação Infantil (Cmeis). Conforme informações da Secretaria Municipal de Educação (Semed), a Prefeitura, com investimentos próprios de mais de R$ 5 milhões, tem garantido a continuidade das obras, apesar de atrasos de repasses por parte do Ministério da Educação.

Os recursos para a construção dos Cmeis provêm do Ministério da Educação, por intermédio do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), com contrapartida do município que varia de 18% a 22% do valor total de cada obra. Conforme a Semed, enquanto aguarda o repasse da verba federal, a Prefeitura de Palmas tem investido além de sua contrapartida prevista em contrato e manteve o andamento das obras. Uma dessas unidades, o Cmei João e Maria, na Arso 32, já foi inaugurado em janeiro de 2018.

“A população de Palmas não pode ficar sujeita a atrasos por imprevistos. Por isso, a Prefeitura optou por manter as obras, mesmo que isto signifique superar o investimento próprio previsto até que o MEC regularize os repasses”, informou o secretário Municipal da Educação, Danilo Melo.

Conforme a Semed, além das novas unidades, a Prefeitura está investindo na ampliação de salas de aula em quatro unidades educacionais: Cmeis Príncipes e Princesas (Arne 12), Pequeno Príncipe (Arno 43), Sementes do Amanhã (Arne 61), além do Fontes do Saber (Taquari) que já foi finalizado e já conta com atendimento. Com essas obras finalizadas a Educação Infantil de Palmas passa a contar com mais de 600 vagas. “Com a conclusão das novas unidades de ensino será possível atender toda a demanda do Sistema Online de Cadastro da Educação Infantil (Socei), avalia Danilo.

Confira o andamento das obras de cada Cmei

Cmei Aureny III – Previsto para ser inaugurado ainda em 2018, foi orçado em R$ 924.311,78, e o recursos totalmente provenientes do Tesouro Municipal e com previsão de inauguração para setembro de 2018 .

Cmei Arse 111 – O valor total da obra é R$ 1.965.000,00. Até o momento foram repassados pelo MEC 356.584,59 e com restante dos repasses em atraso. Por parte da Prefeitura já foi investido R$ 1.209.789,14 e obra está com 79,71% executada.

Cmei Bertaville – Com a obra orçada em R$ 1.826.500,00, houve o repasse do MEC no valor de R$ 356.580,13 e com restante dos repasses em atraso. A Prefeitura de Palmas já investiu R$ 817.765,80 para que a obra chegasse a 64,29% de conclusão.

Cmei Santo Amaro – Dos R$ 1.873.000,00 necessários para a construção deste Cmei, o MEC repassou R$ 357.000,00 e com restante dos repasses em atraso. A Prefeitura de Palmas já investiu R$ 257.587,00, a obra está com 32,85% de conclusão.

Cmei Arse 142 – Obra orçada em 1.840.000,00, dos quais R$ 357.248,34 foram repassados pelo MEC e com restante dos repasses em atraso. Para chegar a 45,47% das obras concluídas, a Prefeitura já investiu o valor de R$ 479.371,33.

Cmei Arso 32 – Esta unidade está 100% concluída e em funcionamento. A obra custou R$ 2.402.968,64, o MEC entrou com repasses de R$713.573,16 e a Prefeitura de Palmas com R$ 1.689.413,48. (Com informações da Ascom/Semed)