Vicentinho Alves e Márlon Reis estão aptos a concorrer na eleição suplementar de 3 de junho

  • 15/Mai/2018 22h57
    Atualizado em: 15/Mai/2018 às 22h58).

Por unanimidade de seus membros, o Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins decidiu, nesta terça-feira, 16, pelo deferimento da candidatura do senador Vicentinho Alves (PR) ao governo do Tocantins, e do seu vice, Divino Betânia, na eleição suplementar. Os magistrados entenderam que os atos partidários do PR e dos demais partidos que compõem a coligação foram regulares.

O TRE deferiu também o registro da candidatura de Márlon Reis (Rede) na eleição de 3 de junho.

As candidaturas de Kátia Abreu (PDT), Marcos de Souza (PRTB), Mário Lúcio Avelar (PSOL) e Mauro Carlesse (PHS) ainda não foram julgadas.