Esportes

Aluno do Balé Popular do Tocantins é 3º colocado no Festival Internacional de Dança de Goiás

12/08/2016 14h43 | Atualizado em: 12/07/2016 14h48

Divulgação/Seduc
Maicon Cardoso, integrante do Balé Popular do Tocantins, coleciona mais uma vitória para o Estado. Desta vez, o dançarino recebeu a terceira colocação no Festival Internacional de Dança de Goiás, na categoria Ballet Clássico Livre Solo, o que garantiu uma bolsa de estudo integral para o Summer Brasil 2017 da Cia de Ballet do Rio de Janeiro.

O tocantinense foi o único classificado na competição, que teve a presença de companhias renomadas, como o The Royal Ballet Of Flanders, da Bélgica.

De acordo com o professor Jefferson Marques, a preparação dos bailarinos para a competição foi intensa. “Eles ensaiavam além dos nossos horários habituais. Foi um esforço que valeu a pena”, contou o professor.

Segundo Jefferson, a vitória de Maicon surpreendeu pelo nível da competição, que também foi disputada por dançarinos profissionais. “Isso nos deixou muito felizes. Maicon superou os seus próprios desafios e buscou dar o melhor de si na competição”, afirmou.

Essa é a 25ª bolsa que Maicon recebe. Recentemente ele foi selecionado para participar de um intercâmbio em uma das mais importantes escolas de dança dos Estados Unidos, o Joffrey Ballet. “Sinto-me honrado a cada premiação, pois é o resultado de muito esforço, de muito ensaio. Meu sentimento é de muita felicidade”, ressaltou o bailarino.

Com viagem para os EUA marcada para a próxima sexta-feira, 15, ele falou da satisfação que tem em levar o nome do Tocantins para ser representado fora do País. “Fico muito feliz, pois sou o primeiro bailarino do Estado a conseguir essa bolsa internacional. Está sendo uma experiência nova, em que vou colher vários frutos. Quero aproveitar muito para tirar as dúvidas que tenho e voltar para o Tocantins renovado e adquirido mais conhecimentos”, disse.

O Balé Popular do Tocantins é um projeto do Governo do Estado, desenvolvido pela Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc). A companhia, formada por estudantes de Palmas, foi criada com o objetivo de promover o desenvolvimento integral dos alunos por meio do estudo teórico e prático da dança.